8 situações comuns que podem ser perigosas | Atitudes de Pobre - O Blog de humor dos pobres

Postado em:
06 mar, 2014

8 situações comuns que podem ser perigosas!

É verdade que fumar em posto de gasolina e mandar mensagens de texto enquanto se dirige são atividades de risco que devem ser evitadas – especialmente se você não quiser sofrer um acidente trágico. O que você provavelmente desconhece é  que existem situações do nosso cotidiano que, apesar de parecem inocentes, possuem alta probabilidade de risco. Até mesmo usar chinelos de dedo pode ser prejudicial, sabia? Conheça as 8 situações comuns que podem ser perigosas.

8. Chinelos

chinelo1

Seja para ir a praia ou comprar um pão na padaria, os chinelos são a melhor opção no quesito conforto e praticidade. No entanto, fique ligado, porque chinelos são nada anatômicos. As tiras presas aos dedos, de forma a dar sustentação ao calçado, oferecem pouco apoio aos pés. Por isso, o chinelo é pouco seguro para pisar em terrenos com desnível, além de arrebentarem com facilidade e não protegerem muito os pés. Ortopedistas alertam também para os perigos em relação à postura, pois nossa pisada a afeta diretamente. Não que você deva evitar chinelos, mas tente usar em situações mais específicas.

7. Despertador

acordar-despertador-corpo-pesado-cansado-fc3a9rias

Quem nunca teve um leve ataque do coração ao acordar com o despertador? Esse pequeno susto que causa leve palpitação matinal, e rompe com seu sono, faz mal ao seu coração. Segundo os especialistas, esta perturbação dos nossos ritmos cardíacos faz com que seu metabolismo fique mais lento, aumentando o risco de obesidade. Vai colocar na opção “soneca”? Melhor pensar duas vezes…

6. Sentar

couch-potato-cat

A gente passa maior parte do tempo sentado, principalmente se está trabalhando. Mas cuidado! Um estudo recente descobriu que os homens que passam mais de 23 horas por semana apenas sentados estão mais propensos a doenças cardíacas. A parte mais alarmante das conclusões foi que, apesar de um grande número dos voluntários analisados fazerem regularmente atividades físicas, eles foram afetados por suas pequenas doses de comportamento sedentário.

5. Tomar banho com muita frequência

banho

Não é que você deva ser o Cascão e não tomar banho todos os dias. Contudo, muitos banhos no mesmo dia podem remover os óleos naturais da pele e as células mortas, que protegem outras camadas da pele. Banhos quentes, com bucha e tudo, são ainda mais prejudiciais a essa proteção natural do corpo, chegando a causar doenças de pele, como a dermatite. Portanto, se for tomar mais de um banho por dia, evite usar sabonetes e esponjas, fique só na ducha fria.

4. Mochilas

mochila-crianca

As mochilas pesadas podem causar problemas crônicos nas costas, principalmente nos jovens. Alunos carregam livros pesados, somando uns 6 kg a serem levados nas costas todos os dias. Certamente que isso faz muito mal e, por isso, milhares de lesões são relatadas anualmente devido às dores que as pesadas mochilas causam, afetando a postura e a coluna. Algumas escolas disponibilizam armários para os estudantes não terem de carregar peso diariamente, mas a maioria dos pais e professores ignora os riscos das mochilas pesadas para saúde das crianças.

3. Óculos de sol barato

pirata

Quem nunca comprou óculos do camelô? Bem mais baratos que os tradicionais Ray-Ban, eles são uma tentação ao bolso. Mas o barato pode sair caro, porque esses produtos não possuem proteção contra os raios do sol, e podem prejudicar seriamente sua visão. Eles também podem causar problemas mais graves, como catarata, fotoceratite (inflamação da córnea) e degeneração macular. Melhor gastar um pouquinho mais do que correr esse risco.

2. Acender Vela

decor-vela-08

A gente costuma acender vela quando acaba a luz, ou por devoção religiosa. Mas tenha atenção! Velas são um perigo constante, já que uma simples chama pode incendiar uma casa! E esse não é o único problema: algumas velas à base de parafina emitem gases tóxicos, como o benzeno. No caso das velas perfumadas, é melhor acendê-las em ambiente com ventilação adequada, para reduzir a exposição aos fumos tóxicos.

1. Arroz

arroz1

Calma, o problema não está em comer o arroz, mas na forma como ele é cultivado. Segundo estudo do Consumer Reports, foram encontrados elevados níveis de arsênio inorgânico nos grãos de arroz brasileiros. E para os adeptos da alimentação saudável, o arroz integral contém mais concentração dessa substância que o branco! Alguns especialistas sugerem que mulheres grávidas e crianças evitem consumir muito arroz, no máximo uma xícara de chá por semana.


Seja o primeiro a comentar em 8 situações comuns que podem ser perigosas!

Deixe seu comentário: