Postado em:
18 fev, 2012

Top 11 maiores polêmicas do carnaval!

Confira quais foram os maiores (e melhores!) babados dos Carnavais.


Valesca Popozuda sambou na cara da musa da Águia de Ouro, Cinthia Santos, chamando-a de “desocupada”. Mas, dias depois, as duas esqueceram a polêmica e caíram no samba.

Em 1998, Luma de Oliveira teve a brilhante ideia de acrescentar um acessório em sua fantasia: uma coleira com o nome do então marido, Eike Batista. As feministas, é claro, revoltaram-se contra o ato da rainha de bateria. Luma não deixou barato e respondeu às acusações de submissão: “Mulher submissa não desfila em escola de samba”.

O Carnaval de 2007 foi trágico para a Susana Vieira. A atriz foi expulsa da Grande Rio, pois confirmou presença em um camorote de uma cerveja concorrente ao patrocinador da escola, e teve que se contentar em assistir ao desfile de longe. Ela não conseguiu segurar as lágrimas!

A Miss Universo Leila Lopes se envolveu em um boato de que ela só desfilaria pela Vila Isabel se recebesse um cachê de R$ 50 mil. O presidente da escola disse que, dessa maneira, a proposta não iria para frente: “Aqui na Vila Isabel só se desfila por amor. Não pagamos, nem recebemos de ninguém”. Depois da confusão, Leila deu um jeitinho, elogiando a escola pelo Twitter e dizendo que desfilaria até de graça.

Ângela Bismarck começou o ano de 2008 com mais uma cirurgia plástica feita. A rainha de bateria da Porto da Pedra orientalizou os olhos apenas para representar a personagem Madame Butterfly, na Avenida. É óbvio que muita gente caiu matando…

A modelo Viviane Castro desfilou pela São Clemente, no Carnaval 2008, com um tapa-sexo de apenas 3,5 cm. Com o calor, o acessório acabou caindo, deixando Viviane nua, já que ela estava com os seios à mostra também. Mas Vivi não perdeu o rebolado!

No Carnaval de 1989, o assunto do samba enredo da Beija-Flor foi “Ratos e Urubus, larguem minha fantasia”. Em um dos carros alegóricos, estava uma escultura do Cristo Redentor, que foi proibida de aparecer pela Igreja Católica. A escola, porém, não perdeu o samba no pé: cobriu a estátua com sacos de lixo e deu uma cutucada básica na Igreja, escrevendo uma frase no carro.

Geisy Arruda levantou polêmica entre os geógrafos do mundo, ao confundir o Japão com a Índia: “A minha fantasia é uma gueixa e ressalta a beleza da mulher indiana”, disse em entrevista ao TV Fama.

O presidente Itamar Franco e a modelo Lílian Ramos se conheceram durante o carnaval de 1994. As fotos do casal estamparam os jornais de todo o mundo. O motivo? Lílian estava sem calcinha! Depois do escândalo, Franco tentou engatar um romance com a modelo, mas o falatório foi tão grande, que ele achou melhor tirar o corpo fora e abafar o caso.

Teve barraco no camarote Brahma! Para variar, a briga foi entre Luava Piovani e Dado Dolabella. O ator estava proibido de se aproximar da atriz, mas acabou sendo convidado para o mesmo camarote dela. Ao saber da presença do ex, a loira rodou a baiana e Dado, ao saber do piti de Luana, pediu uma fita métrica para medir a distância entre eles. A brincadeirinha deixou Piovani ainda mais descontrolada!

Em 2010, nós tivemos a honra de receber a Paris Hilton, que veio para o Caranval brasileiro promover a cerveja Devassa. A socialite estava com um vestido mega transparente e se empolgou tanto com o ritmo que desceu até o chão… Realmente, uma honra!


2 Comentários em Top 11 maiores polêmicas do carnaval!

  • dark disse:

    a Geisy foi d mais ……kkkkkkkkkkkkkkk IGNORANTE

  • sergio disse:

    eu adorei o post, principalmente da paris hilton de quatro, que foto belissima.

  • Deixe seu comentário: