Postado em:
21 dez, 2011

Top 10 mulheres que venceram prêmios e eleições de revistas em 2011

Confira as mulheres que venceram prêmios e eleições de revistas e publicações em 2011



Angelina Jolie – A mulher de Brad Pitt recebeu o título de a mais elegante do mundo em 2011, da revista “Hola”. Kate Middleton ficou em segundo lugar na lista. O júri era formado por personalidades do mundo da moda, como Oscar de la Renta e Roberto Cavalli.

Deborah Secco – A intérprete de Natalie Lamour em “Insensato Coração” foi eleita a mulher mais sexy do mundo pelos leitores da revista masculina “VIP”, em outubro. Deborah, que caprichou na malhação para viver a periguete loira, creditou o título a sua personagem. “Devo esse título à Natalie”, escreveu no Twitter.

Alinne Moraes – A atriz, que recentemente viveu a personagem Lili em “O Astro”, encabeçou a lista das 50 personalidades mais sexy de 2011 da revista “IstoÉ Gente”. “Ser sexy para mim é ter atitude, comportamento, ter naturalidade”, disse Alinne no evento de lançamento da revista. Ela afirmou, ainda, que conquistou muitas coisas na vida por causa da beleza.

Isabeli Fontana – A modelo, noiva de Rohan Marley (filho de Bob), foi eleita a mulher do ano pela edição brasileira da “GQ”. Além de receber o título, ela realizou um ensaio sensual para a publicação, sob as lentes do fotógrafo Vincent Peters. “Sempre fui o patinho feio da escola?, disparou na cerimônia de premiação da revista.

Andréa Beltrão – A artista recebeu o Prêmio Extra de TV, do jornal “Extra”, de “melhor atriz de 2011”, por seu papel na série global “Tapas & Beijos”. Andréa, que vive a personagem Sueli, disse em seu discurso: “Queria dedicar esse prêmio ao elenco do programa”. Deborah Secco e Talita Carauta levaram, respectivamente, os prêmios de “melhor atriz coadjuvante” e “atriz revelação”.

Kate Middleton – A revista especializada “Harper’s Bazaar” elegeu Catherine Middleton como a mais bem-vestida de 2011. De acordo com a publicação, a duquesa de Cambridge encabeçou a lista anual porque “sua inacreditável evolução de estilo impressionou (os jurados)”. A revista citou o fato de que muitos de seus looks foram copiados pelas mulheres britânicas.

Mila Kunis – A atriz nascida na Ucrânia recebeu o título de “mulher nocaute do ano” da edição norte-americana da revista “GQ”. Em 2011, a artista estrelou, ao lado de Justin Timberlake, o filme “Amizade Colorida”. A atriz deu sua opinião acerca de amizades coloridas: “É como o comunismo. Na teoria, é bom. Na execução, é falho”, disse.

Rihanna – A “Esquire” elegeu a cantora barbadense como a “mulher mais sexy viva”. A capa da edição de novembro da revista mostrava a artista nua. Na entrevista à publicação, Rihanna disse que estava “feliz” com o sucesso de seu ex, o rapper Chris Brown, mesmo tendo sido agredida por ele em 2009.

Rosie Huntington-Whiteley – A substituta de Megan Fox na franquia “Transformers” liderou a lista de 100 mais sexy da revista “Maxim”. Ao contrário de Megan, Rosie não vê problema algum em ser vista como um símbolo sexual, uma vez que foi modelo da marca de lingerie “Victoria’s Secret”.

Taylor Swift – A cantora country foi eleita a mulher do ano pela “Billboard”. “Na jovem idade de 21 anos, Taylor já causou um grande impacto na música e tem sido um modelo incrível para aspirantes a cantores/compositores e jovens mulheres”, justificou o diretor editorial da revista, Bill Werde.


Seja o primeiro a comentar em Top 10 mulheres que venceram prêmios e eleições de revistas em 2011

Deixe seu comentário: